Primeira morte por Covid-19 é registrada na cidade

Na sexta-feira, dia 17, foi confirmada em entrevista coletiva o primeiro óbito por Covid-19 em Cataguases. Trata-se de um paciente de 84 nos, do sexo masculino, que se encontrava internado na UTI do Hospital. Na oportunidade, o prefeito, juntamente com a secretária de Saúde, Daniela Rezende Coelho, a coordenadora de Vigilância em Saúde, Amanda de Souza Penha, e o presidente do Conselho Municipal de Saúde, o médico Joseph Freire, anunciou também outro caso confirmado, desta vez de paciente do sexo feminino, de 49 anos, que foi tratado e já recebeu alta hospitalar. Com o anúncio, sobe para três o número de casos confirmados no município, já que no início da semana foi divulgado o primeiro, que foi contraído em outro estado e já foi tratado.

Conforme a coordenadora de Vigilância em Saúde, o óbito constava nos relatórios divulgados pela prefeitura como em investigação. “Estes dois casos foram contraídos dentro de Cataguases por transmissão comunitária, quando não dá para identificar a fonte. Os pacientes não possuíam histórico de outras comorbidades. Isto significa que o vírus está circulando em nosso município e não houve uma expansão maior devido às medidas de isolamento que estão sendo tomadas”, disse  Amanda Penha. A secretária de Saúde informou que os familiares dos pacientes já foram comunicados e que estão sendo monitorados pelo setor. Daniela Rezende reforçou os pedidos às pessoas que tiverem sintomas de síndrome gripal para procurarem o posto de saúde de seus bairros e, nos finais de semana, a Policlínica Municipal. O Hospital deve ser acionado apenas em caso de sintomas mais graves, como problemas respiratórios.